Luiz Henrique

Talvez por teimosia ou puro exercício de fé, ainda acredito na natureza humana ...

Textos


“Desperdício”

nosso caso tem sido assim
há tempos, desde o início
um inconteste desperdício.

tu, na aridez do teu coração
que te afeta precipuamente
mas pelo sim ou pelo não
a mim atinge indiretamente.

dois seres incompletos e solitários
por caminhos pedregosos e muitos
se comportando como adversários
quando deveríamos seguir juntos.

somos amantes de uma nova era
atípicos, estrategistas em espera
e por nenhum dos dois ligar a ignição
vivemos nesse lamentável marasmo
em que não se desencadeia a combustão
tu por não chegar, eu por não partir
quando deveríamos de vez fundir
almas e corpos em luminoso orgasmo.
Luiz Henrique Noronha
Enviado por Luiz Henrique Noronha em 09/11/2013
Alterado em 09/11/2013
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Luiz Henrique). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras