Luiz Henrique

Talvez por teimosia ou puro exercício de fé, ainda acredito na natureza humana ...

Textos


"O Poeta"
(Fátima Pereira e Luiz Henrique)


O poeta não come, não bebe,
sobrevive de pequenos grandes nadas...
Fala do que sente, imagina ou percebe,
alimenta-se das palavras escrevinhadas...

O poeta não dorme, embala,
em seus braços lágrimas alheias...
É pelos seus textos que fala,
se faz conhecer por quem os leia

O poeta não vive, dá vida,
pinta o sonho com mil cores...
Fala da experiência adquirida,
das nuances da vida, tons e sabores...

O poeta não inventa, sonha,
divaga entre a realidade e o impossível…
Expõe sem limite ou vergonha,
a sua própria verdade, nem sempre credível...

O poeta não sofre, é cárcere de dor,
O poeta é livre, é escravo da inspiração...
O poeta é forte, quando sofre de amor,
O poeta é mestre em viver do amor - a ilusão...
Luiz Henrique Noronha e Fátima Pereira
Enviado por Luiz Henrique Noronha em 26/08/2013
Alterado em 26/08/2013

Música: Nocturne - Chopin

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Luiz Henrique). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras